Inaugurado escritório de educação ambiental em SJP no Programa Meu Ambiente


Parceria com Prefeitura de São José dos Pinhais tem como objetivo conscientizar e incentivar a população sobre ações ecológicas

Blog Single Abertura do espaço voltado aos projetos verdes reuniu convidados e representantes do Poder Público (foto Pref/SJP)
A Prefeitura de São José dos Pinhais, por meio da Secretaria de Meio Ambiente (SEMMA), tem desenvolvido ações com o objetivo de conscientizar e incentivar a população sobre preservação ambiental, uso racional de recursos naturais, entre outras medidas ambientais. Foi inaugurado dia 23 de abril um escritório de referência do Programa Meu Ambiente. Em parceria com a empresa Amapaz, o objetivo é desenvolver palestras em escolas e rodas de conversa com as comunidades, buscando engajar todos em causas ecológicas.

Por um ano, a equipe técnica multidisciplinar vai atuar diretamente com as comunidades, com dinâmicas e palestras em escolas, rodas de conversa e distribuição de materiais educativos e informativos.

“Não havia no município um projeto de educação ambiental, o que dificultava o trabalho da SEMMA e aumentava a degradação das áreas de preservação do município. Nós submetemos projeto ao Fundo de Saneamento Básico Ambiental e Conselho Municipal de Meio Ambiente, onde vamos trabalhar com toda a população, tanto com ações de comunicação como palestras, ações de sensibilização nas escolas, no comércio, nos condomínios, de forma que a gente consiga atingir toda a população a se sensibilizar e se co-responsabilizar pelo Meio Ambiente”, explica Caroline Simões, chefe do Programa de Educação Ambiental.

A AMAPAZ realiza trabalhos ambientais em diferentes municípios e tem sede em São José dos Pinhais, no Espaço Namata, reserva ambiental particular no bairro Aristocrata. Liliane Rabacher, coordenadora da empresa, destaca que o grupo tem grande experiência em trabalhos ambientais dentro e fora do Brasil. “Nosso portfólio com certeza vai refletir. A nossa equipe é jovem porque temos que olhar o futuro próximo e nós precisamos resgatar o Meio Ambiente em pról das futuras gerações”, fala Liliane Rabacher.

Marina Gonçalves Hesketh Cardoso é educadora ambiental na AMAPAZ e promete engajamento nos trabalhos que serão realizados. “A gente vai sensibilizar a população de São José dos Pinhais dentro da temática do Meio Ambiente, porque o nosso foco é dar vez e voz ao Meio Ambiente.”

Bárbara Machado Bet, técnica ambiental, já está bastante envolvida com o projeto, mesmo não sendo moradora de São José dos Pinhais. “A parte mais importante de um técnico é a educação ambiental e a nossa expectativa é muito grande. Todo mundo está empenhado, desenvolvendo um trabalho que seja efetivo. Eu não sou de São José dos Pinhais e já estou muito envolvida com a cidade, com o princípio de trazer uma causa para as pessoas da comunidade, porque a gente nota a carência desse trabalho na população.”

Desde 2017, ações de conscientização ambiental já estão sendo realizadas pela Secretaria de Meio Ambiente, como a construção dos EcoPontos e a distribuição de lixeiras para incentivar a separação de resíduos. E essa ações já vêm apresentando resultados positivos.
“As pessoas têm consciência de que não se pode degradar o Meio Ambiente, jogar lixo em rio, jogar lixo em terreno baldio, mas precisamos sensibilizar ainda mais. As crianças têm mais sensibilização na conscientização com as escolaa, mas a gente tem que atingir os adultos para tentarmos salvar ainda o pouco que resta do nosso Planeta”, diz o secretário de Meio Ambiente, Ahirton Sdroiesk Junior.

“O Projeto Meu Ambiente foi pensando para as características de São José dos Pinhais, onde tem itens e detalhes que abordam a Agricultura, como a redução da utilização dos defensivos agrícolas, além de questões de reciclagem, separação de resíduos e orientação do que a nossa população deve fazer com os diversos tipos de resíduos. São José dos Pinhais está no rumo certo, a questão ambiental está bem cuidada e acredito que as futuras gerações irão nos agradecer pelo trabalho que está sendo realizado hoje”, afirma Áriston Ghidin, procurador do Município, e ex-secretário de Meio Ambiente.


Meu Ambiente
O escritório do Projeto Meu Ambiente é na Rua Marcos Foggiatto, nº 121, bairro Aristocrata e está aberto à população conforme agendamento. O local presta serviço de acolhimento de sugestões e dúvidas, consulta de materiais informativos e também apoio na participação das ações.

PautaSJP.com e informações da Prefeitura de SJP

Mais imagens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: