Entidade de adoção são-joseense é declarada de Utilidade Pública


Associação Romã completa uma década de atividades propagando, esclarecendo e apoiando pais interessados em adotar

Blog Single Apoiadores e participantes da instituição durante homenagem pelos vereadores
A Câmara de São José dos Pinhais recebeu, durante sessão ordinária quinta (09), representantes da Associação Romã, grupo de apoio à adoção que foi declarado de Utilidade Pública Municipal. A autoria da Lei nº 3050/2018 é da vice-presidente do legislativo, vereadora Nina Singer.

A presidente Fabiana Kadota falou em tribuna popular em nome dos demais membros. "Constituir uma família é um sonho que muitos conseguem realizar de forma tranquila, mas outros precisam de outro meio, que é a adoção. O grupo Romã auxilia e orienta essas pessoas e a declaração de Utilidade Pública é um passo importante em nossa caminhada", disse Fabiana Kadota, que também agradeceu aos voluntários que realizam palestras, campanhas, rodas de conversa, plantões de atendimento, entre outras ações.

Para a vereadora Nina Singer, o trabalho da Associação é importante para o entrosamento de famílias através da troca de experiências. "São pessoas que querem dar amor a crianças que, às vezes, estão em situação de risco ou em orfanatos. Eles me passaram muito carinho e união", declarou Nina Singer.

A Associação Romã - grupo de estudos e apoio à adoção, foi fundada em 2008 por casais envolvidos com o tema. Promove ações de reflexão e troca de experiências entre pessoas que adotaram ou pretendem adotar. Além disso, atua em parceria com voluntários e não tem fins lucrativos.

Entre as demandas da instituição, propagar a Lei Nacional de Adoção que preza a participação dos futuros pais em encontros que discutem a lei, o procedimento e o dia-a-dia com um filho adotivo.

Informações https://www.facebook.com/gruporomasjp/ e no contato 41-98469-2221.

PautaSJP.com e informações da Câmara SJP

Mais imagens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: